Pode vir 'tá de boa
Que hoje ela não vem
Disse um amigo meu, pra me tranquilizar
'Cê 'tá precisando sair, precisando esquecer
Hoje é piscina e churrasco, só traz o que 'cê for beber

Chegando lá, algum filho da mãe também chamou ela pra ir
E ela foi com outro
E eu que não sou de levar sofrimento pra casa
Quando ela foi dar um beijo nele
A vista embaçou e eu não vi mais nada

Pulei na piscina, chorei disfarçado
Só pra ninguém ver os meus olhos molhados
Pulei na piscina tão desesperado
Que quando eu caí foi mágoa pra todo lado

Pulei na piscina, chorei disfarçado
Só pra ninguém ver os meus olhos molhados
Pulei na piscina tão desesperado
Que quando eu caí foi mágoa pra todo lado

Pra ver se esse amor morre afogado, oh oh oh

Chegando lá, algum filho da mãe também chamou ela pra ir
E ela foi com outro
E eu que não sou de levar sofrimento pra casa
Quando ela foi dar um beijo nele
A vista embaçou e eu não vi mais nada!

Pulei na piscina, chorei disfarçado
Só pra ninguém ver os meus olhos molhados
Pulei na piscina tão desesperado
Que quando eu caí foi mágoa pra todo lado

Pulei, chorei disfarçado
Só pra ninguém ver os meus olhos molhados
Pulei na piscina tão desesperado
Que quando eu caí foi mágoa

Pulei na piscina, chorei disfarçado
Só pra ninguém ver os meus olhos molhados
Pulei na piscina tão desesperado
Quando eu caí foi mágoa pra todo lado
Pra ver se esse amor morre afogado

Composição: Douglas Mello / Flávinho Tinto / Gui Artioli / Nando Marx / Nuto Artioli

© Buteco Musical ▪ 2021 ▪ Milhares de músicas e letras.